Cidades e Impérios da Rota da Seda

  • Destination: ,
  • Duration: 6 days
  • Departs: 23/08/2017
  • Arrives: 28/08/2017
  • Price: 1,755€

(Português) tryart

Com Álvaro Figueiredo

As cidades encantadas da Ásia Central – Samarkanda, Bukhara, Khiva e Merv – situadas na Rota da Seda, a rota de comércio ancestral que ligava a China ao mundo mediterrânico, famosa pelo produto proveniente da China – a seda – muito desejado no mundo Romano do ocidente. Durante séculos, este comércio de longa distância entre o Oriente e o Ocidente fez nascer cidades e impérios, em pontos estratégicos ao longo desta grande rota comercial, através da qual produtos, ideias e gentes se movimentaram. O Uzbequistão e o Turquemenistão preservam relíquias de um mundo passado quando a Ásia Central era centro de Impérios e as suas cidades grandes centros do conhecimento científico e das artes, existindo no imaginário Ocidental como símbolos de um mundo longínquo de encanto e mistério. Por esta região da Ásia Central passaram também muitos conquistadores com os seus terríveis exércitos – Alexandre Magno, em direção a oriente, destruindo ou fundando cidades pelo seu caminho; mais tarde vieram Hunos, Turcomanos e Árabes, estes últimos introduzindo o novo credo do Islão, ergueram mesquitas e madrassas (centros de estudo), contribuindo para o enriquecimento cultural e cientifico da região. A passagem dos exércitos de Genghis Khan, no início do século XIII, causa uma destruição generalizada, mas Timur, e os seus descendentes, transformam o Uzbequistão e o Turquemenistão no centro de um vasto império, reconstruindo e embelezando as suas cidades.

Neste périplo partimos em direção a esse passado glorioso, pelas cidades desertas do Turquemenistão, como Nissa e Merv, envoltas por grandes muralhas de adobe, testemunhos do mundo de Alexandre, dos Partas e dos Sassanidas do Irão Zoroástrico, e por cidades ainda vivas, como a famosa cidade-museu de Khiva, envolta em muralhas, com as suas mesquitas e palácios decorados com azulejos azuis e brancos; passeando pelas suas ruas estreitas e, por vezes, através de portas de madeira entreabertas vislumbrar jardins interiores capazes de nos fazer lembrar do próprio Paraíso. Um importante posto na Rota da Seda entre o Mar Cáspio e o Rio Volga e, durante o século XIX, uma importante paragem na rota de comércio de escravos da Rússia, Khiva foi também um grande centro de estudo científico, sobretudo nas áreas da medicina, astronomia e matemática. E Bukhara, cidade do deserto e um dos primeiros centros do Islão na região, prosperou com o comércio da Rota da Seda tornando-se num grande centro intelectual do mundo Islâmico. Destruída por Genghis Khan, a cidade foi reconstruída pelos seus sucessores Turcomanos e Uzbeques, tornando-se numa das cidades mais sagradas do Islão. Durante o século XIV, nela tem origem a corrente Sufi Naqshbandi, que procura recapturar a intensidade do Islão inicial, substituindo a música e a dança, pela devoção pessoal da contemplação em silêncio. A importância de Bukhara reflete-se nos seus inúmeros e impressionantes monumentos datados de entre os séculos XII e XIX, e no seu extenso e colorido bazar, reminiscente das Mil e Uma Noites. Entre Bukhara e Samarkanda, o percurso convida a uma incursão no grande Deserto de Kizilkum, para uma noite passada num acampamento nómada, numa yurt, um tipo de tenda circular característica da região; antes de continuar para a grande capital imperial de Samarkanda, repleta de monumentos construídos por Timur e seu neto, Ulugbek. Centro do império, a cidade está repleta de monumentos – madrassas, mesquitas, mausoléus – de uma grande beleza, na sua intrincada e delicada ornamentação, ou nos azulejos azuis e brancos das suas fachadas e cúpulas; ou ainda nas ruas da cidade antiga e nos seus extensos bazares.

Tudo isto faz do Uzbequistão e do Turquemenistão vastos museus, cujos monumentos são testemunhos impressionantes da passagem de povos e da construção dos seus impérios; mas são também museus vivos, nos costumes ancestrais que se vivem ainda nas ruas dos bairros antigos, nos amplos bazares e casas de chá, este último um dos muitos produtos preciosos que, durante séculos, foram comercializados ao longo da Rota da Seda.

Quarto Duplo

3.875 €

Suplemento Quarto Individual

450 €

Programa inclui:

  • Acompanhamento especializado pelo Arqueólogo Álvaro Figueiredo durante toda a viagem;
  • Acompanhamento de um responsável Tryvel durante toda a viagem;
  • Passagem aérea em classe económica para os percursos Lisboa / Istambul / Ashgabat – Samarkanda / Istambul / Lisboa ou Porto (só regresso) em voo regular Turkish Airlines com direito a 1 peça de bagagem 30kg (bagagem de porão);
  • Passagem aérea em classe económica para os percursos Merv / Ashagabat – Ashgabat / Dashoguz, em voo regular Turkemenistan National Airlines, com direito a uma peça de 20 kg (bagagem de porão);
  • Circuito em autocarro de turismo com guias acompanhantes em espanhol ou português durante todo o circuito mencionado no itinerário nos seguintes locais;
  • Alojamento nos hotéis indicados no programa;
  • 1 noite de alojamento em Yurt (camping tradicional local);
  • Todas as visitas mencionadas no programa;
  • Entradas nos monumentos a visitar e mencionados no itinerário;
  • Taxas de aeroporto, segurança e combustível no montante de 272,00€ (à data de 22.01.2016 – a reconfirmar e atualizar na altura da emissão da documentação);
  • Todos os impostos aplicáveis;
  • Gratificações a guias;
  • Pensão completa desde o pequeno almoço do 2º dia até ao jantar do 14º dia
  • Vistos obrigatórios de entrada no Uzbequistão e no Turquemenistão;
  • Seguro de viagem multiviagens VIP.

 

Programa não inclui:

  • Bebidas às refeições;
  • Tudo o que não esteja como incluído de forma expressa;
  • Despesas de carácter particular designados como extras

NOTA: Consulte-nos para mais informações sobre partida do Porto.

1º Dia – Lisboa / Ashgabat

Comparência no aeroporto 2h antes da partida. Formalidades de embarque e partida em voo da Turkish Airlines, às com destino a Istambul. Chegada a Istambul, mudança de avião e continuação da viagem em voo regular Turkish Airlines, com destino a Ashgabat. Noite a bordo.

2º Dia – Ashgabat

Chegada a Ashgabat, transfere para o Hotel Yyldyz 5* e tempo livre para pequeno almoço e descanso. Visita panorâmica da cidade de Ashgabat seguida de almoço. À tarde, visita do Museu Nacional de História e Etnografia do Turquemenistão. Após o jantar, continuação da visita panorâmica da cidade. Alojamento no Yyldyz Hotel ou similar.

3º Dia – Ashgabat / Nissa / Ashgabat

Após pequeno almoço partida para Nissa, um importante sítio arqueológico do período parta, classificado pela UNESCO como Património da Humanidade. Conhecida como Mithridartkert, em homenagem a Mithridates I (171-138 a.C.), Nissa era residência real da dinastia Arsacida. Após o almoço, visita à Mesquita de Turkmenbashy e Mesquita de Ertogrul Gazi. Regresso ao Hotel, jantar e alojamento.

4º Dia – Ashagabat / Mery

Pequeno almoço e saída em direção a Mery. Em caminho visita das ruinas da Mesquita Anau e o que nos resta da cidade de Abiverd, um importante ponto da Rota da Seda. À chegada a Mery, visita da cidade incluindo a mesquita Juma, a igreja ortodoxa russa e o bazar local. Alojamento no Hotel Mery 3*.

5º Dia – Mery / Merv / Ashagabat

Após o pequeno almoço e saída para visita às extensas ruínas arqueológicas de Merv, outrora um importante centro da Rota da Seda, e hoje classificada pela UNESCO como Património da Humanidade. Em Merv visitamos o Sultan Kala, os Mausoléus de Sultan Sanjar e de Muhammad ibn Zayd, as ruínas do forte Keshk, e a mesquita de Yusuf Hamadani. Ao final da tarde, transfer ao aeroporto para voo de regresso a Ashagabat. Jantar e alojamento.

6º Dia – Ashgabat / Dashoguz / Kunya Urgench / Khiva

Pela manhã, embarque em voo da Turkmenistan Airlines (saída por volta das 06h00) para Dashoguz. Chegada e continuação para Kunya Urgench, classificado pela UNESCO como Património da Humanidade, e visita aos Mausoléus de Turebek-Khanym, Sultan Tekesh, Sultan Arslan, Najmad-din-Kubra e Sultan Ali, e os minaretes Kutlug Timur e Kyrk Molla. Continuação da viagem, cruzando a fronteira com o Uzbequistão, até à chegada a Khiva. Alojamento no Hotel Orient Star 3*.

7º Dia – Khiva

Inicio das visitas da cidade de Khiva com as suas mesquitas e palácios decorados com azulejos azuis e brancos; este foi um importante posto da Rota da Seda entre o Mar Cáspio e o Rio Volga, foi no séc. XVI capital do Império Timurida. Visitamos a cidadela de Ichan-Qala, classificada pela UNESCO como Património da Humanidade, o minarete Islam Khodja, o mausoléu de Pahlavan Mahmud, a Mesquita de Juma, a madrassa de Muhammad Amin Khan e o Kalta Minar, a madrassa de Devan Begi, Kunya Arg e o Palácio Toshkhovli. Regresso ao Hotel e alojamento.

8º Dia – Khiva / Bukhara

Após o pequeno-almoço, saída em direcção a Bukhara, seguindo o rio Amudarya durante parte do percurso. Esta cidade conta com mais de 2.000 anos de idade e é o exemplo mais completo de uma cidade medieval na região da Ásia Central. Alojamento no Hotel Amelia 4*ou similar.

9º Dia – Bukhara

Pequeno almoço no Hotel. Início das visitas na cidade de Bukhara, classificada pela UNESCO como Património da Humanidade, visita ao Minarete Kalyan e Mesquita Poi Kalyan, a madrassa de Miri Arab, a Cúpula de Toki Zargaron, a madrassa de Ulugbek e Abdullazizkhan, a Cúpula de Toki Telpak Furushon, a Mesquita Magoki Attory, a Cúpula de Toki Sarafon e o complexo Lyabi Hauz. Jantar e alojamento.

10º Dia – Bukhara

Continuação das visitas pela cidade de Bukhara – a Cidadela, antiga residência dos Khans de Bukhara; o Mausoléu de Ismail Samoni; o Mausoléu de Chashma Ayub e o extenso bazar. Regresso ao Hotel e alojamento.

11º Dia – Bukhara / Nurata / Deserto de Kizilkum

Após pequeno-almoço saída para Nurata para visitar a mesquita e nascente sagrada de Chashama; continuamos para o Deserto de Kizilkum, para estadia de 1 noite em alojamento em tenda circular (yurt) tradicional. Alojamento no Qizilqum Safari Yurt Camp ou similar.

12º Dia – Deserto de Kizilkum / Samarkanda

Saída para Samarkanda, classificada pela UNESCO como Património da Humanidade, para visita ao Complexo Memorial do Imam Al Bukhariy. Alojamento no Hotel Bibikhanum 4*.

13º Dia – Samarkanda

Após pequeno-almoço, início das visitas pela cidade de Samarkanda: a Praça Registan com as suas três madrassas e o Bazar Siab, o Mausoléu do Emir Gur, o Mausoléu de Shakhi Zinda (séc. XIV – XV), a Torre da Morte, um complexo com mais de 20 edifícios de diferentes épocas, a Mesquita de Bibi Khanum (séc. XIV), construída por Timurlane é a maior mesquita da época, e o observatório astronómico de Ulugbek (séc. XV), com um sextante de 30 metros, construído por Ulugbek para efetuar mapas astronáuticos exatos, e o Museu Arqueológico. Regresso ao Hotel. Alojamento.

14º Dia – Samarkanda / Tashkent

Pela manhã, partida para Tashkent. Chegada e visita à Praça de Amir Timur; Monumento e Museu; Complexo do Imam Khasti; Bazar Chorsu; Madrassa de Kukeldesh e Madrassa de Abul Kassim. Jantar e alojamento no Hotel Tashkent Miram International 5* ou similar.

15º Dia – Tashkent / Istambul / Lisboa

Em hora a combinar, transfere do hotel até ao aeroporto. Formalidades de embarque e partida em voo da Turkish Airlines, com destino a Istambul. Chegada a Istambul, mudança de avião e continuação da viagem em voo regular Turkish Airlines, com destino a Lisboa.