Sissi e o Império Áustro-Húngaro

tryart

Com Cláudia Ninhos

A Imperatriz consorte Isabel, mais conhecida por Sissi, transformou-se numa figura de culto, cuja vida e personalidade deram origem a inúmeros mitos. Isabel nasceu em 1837 no Herzog Max Palais, em Munique. Era filha do Duque Maximiliano da Baviera, pertencendo por isso à Casa de Wittelsbach. Ela e os seus sete irmãos cresceram num ambiente informal e em contacto direto com a natureza, no Castelo de Possenhofen, que o seu pai adquirira anos antes. Tinha 15 anos quando em 1853 conheceu o seu primo Francisco José, então com 23 anos, em Bad Ischl. Casaram no ano seguinte, na Augustinerkirche (Viena). Sissi transformou-se numa Iimperatriz popular entre os súbditos, mas a etiqueta rígida da corte vienense desagradava-lhe. Os conflitos com a mãe de Francisco José, a Arquiduquesa Sofia, surgiram logo após o casamento e levaram-na a afastar-se da corte, procurando muitas vezes refúgio em Gödöllő, a norte de Budapeste.

Apesar de ter sido um casamento tempestuoso, devido às excentricidades de Sissi, esta exerceu uma influência determinante na vida política do Império Áustro-Húngaro. Por exemplo, a Imperatriz teve um papel importantíssimo no Compromisso de 1867 com a Hungria. Sissi chegou a passar por Portugal em 1860, quando esteve na ilha da Madeira para se curar de uma doença nos pulmões. A sua vida foi profundamente abalada pela morte do seu filho e herdeiro do trono, o Arquiduque Rudolf, cujos contornos nunca foram esclarecidos de forma cabal. O infortúnio persegui-la-á até ao resto da vida. Foi assassinada em Genebra por um anarquista italiano, Luigi Luccheni, em 1898. A sua vida foi imortalizada por Romie Schneider no filme Sissi (1965).

Cláudia Ninhos

Preço por Pessoa em Quarto Duplo

2.850 €

Suplemento Quarto Individual

580€

 

Programa inclui:

  • Acompanhamento da conferencista Claudia Ninhos durante toda a viagem;
  • Passagem aérea em classe económica para percurso Lisboa / Munique | Budapeste / Lisboa, em voos regulares Tap Air Portugal com direito a 1 peça de bagagem até 23 kg;
  • 7 noites de alojamento nos hotéis 4**** mencionados ou similares, com pequeno almoço incluido;
  • Refeições de acordo com o programa (incluindo água, café ou chá);
  • Todos os transportes como indicado no programa;
  • Radioguias;
  • Guias locais em português ou espanhol;
  • Todas as visitas e entradas mencionadas no itinerário;
  • Todos os impostos aplicáveis;
  • Taxas de aeroporto, segurança e combustível no montante de 92,00€ € (à data de 30.01.2019) – a reconfirmar e atualizar na altura da emissão da documentação);
  • Acompanhamento permanente por responsável da TRYVEL;
  • Seguro Multiviagens.

 

Programa não inclui:

  • Bebidas às refeições;
  • Tudo o que não esteja como incluído de forma expressa;
  • Gratificações;
  • Despesas de caráter particular designadas como extras.

INFORMAÇÕES | RESERVAS
Carla Ferreira | Telf.: 215 927 076 | carla.ferreira@nulltryvel.pt

1º Dia - Lisboa / Munique / Possenhofen
07h00 – Encontro dos participantes no Terminal 1 do Aeroporto de Lisboa.
08h50 – Partida em voo Tap Air Portugal para Munique (TP 558).
12h50 – Chegada a Munique.

Assistência e transfer de autocarro para a capital da Baviera. Almoço num restaurante de Munique. Tour com guia local de autocarro pela cidade, incluindo passagem pela Ludwigstrasse, onde se localizava o Herzog Max Palais, onde Sissi nasceu. O palácio fora construído entre 1828 e 1831 num estilo neo-renascentista pelo arquiteto Leo von Klenze. Depois da Primeira Guerra Mundial e com a queda da monarquia, o palácio permaneceu desabitado e acabou por ser demolido em 1938 pelas autoridades nazis. Em 1954, a sede do Landeszentralbank foi erguida no local. Após este tour panorâmico de Munique, partida de autocarro para Possenhofen. Jantar livre. Alojamento no hotel Kaiserin Elisabeth 4****.

2º Dia - Possenhofen / St.Gilgen
De manhã breve visita panorâmica a Possenhofen. O Castelo de Possenhofen era a residência de Verão da família de Sissi. O palácio em estilo neoclássico foi adquirido pela família em 1834. Em redor do palácio existia, e ainda existe, um parque densamente arborizado, que se estende até às margens do rio, de onde se avistam os Alpes. A partir de 1920 o edifício foi deixado ao abandono, tendo servido de lar para crianças, hospital militar e oficina. Em 1984 foi convertido em apartamentos. Hoje em dia não se encontra aberto ao público, mas pode ser admirado a partir do exterior e o parque pode ser visitado. Almoço livre a caminho da Áustria. Chegada a St.Gilgen, check-in no hotel Hollweger 4****.
Jantar livre e alojamento.
3º Dia - St. Gilgen / Fuschlsee / Bad Ischl / St.Gilgen
Partida para Fuschlsee, visita guiada ao castelo renascentista que foi cenário do filme protagonizado por Karl-Heinz Böhm e Romy Schneider. Atualmente é um hotel. Visita ao Museu dedicado a Sissi. Saída em direção a Bad Ischl para almoço e visita guiada a esta pequena cidade termal, “capital de Verão” da monarquia Áustro-Húngara. Foi aqui que Francisco José e Sissi se conheceram pela primeira vez, se apaixonaram e se tornaram noivos. A Arquiduquesa Sofia ofereceu depois a Kaiser Villa como presente de casamento ao jovem casal, em 1854. Foi igualmente aqui que Francisco José anunciou a declaração de guerra à Sérvia a 28 de julho de 1914, acontecimento que iria desencadear a I Guerra Mundial. Atualmente é ainda ocupada por descendentes de Francisco José e Sissi. Regresso a St. Gilgen. Jantar livre e alojamento no hotel.
4º Dia - St. Gilgen / Halstatt / Artstetten / Melk / Viena
De manhã grupo tem a visita a Hallstatt: esta pitoresca aldeia situada no lago com o mesmo nome deve a sua existência ao depósito de sal existente na montanha de Hallstatt. Um dos locais preferidos de Sissi e Francisco José. A caminho de Viena paramos no Castelo de Artstetten, para visitarmos um museu dedicado ao Arquiduque Francisco Fernando e a cripta da família. Almoço num restaurante em Arstetten. Seguimos para Melk, para visitar a abadia. Chegada a Viena, cidade central na vida de Sissi e a capital do Império Austro-Húngaro. Check in no Hotel Radisson Park Royal 4**** . Jantar livre. Alojamento.
5º Dia - Viena
Dia inteiro de visita à capital da Áustria. Começa-se por Hofburg. Tratava-se da residência de Estado dos Habsburgos em Viena. Em 1857 o casal mudou-se para os “Apartamentos Imperiais” do Hofburg. Sissi detestava este palácio devido à falta de instalações adequadas ao seu estilo de vida, à falta de privacidade e ao protocolo rígido. A partir de 1858 Sissi começou a reformar estes quartos de acordo com seu gosto. Vamos visitar o seu quarto de vestir, de dormir e o grande salão onde recebia as visitas. Aqui localiza-se um museu dedicado a Sissi, com mais de 300 objetos pessoais da Imperatriz, que revelam a sia vida multifacetada e a personalidade excêntrica e melancólica. Almoço num restaurante vienense.De seguida visita ao Palácio Laxenburg. Depois do casamento, Sissi passou bastante tempo neste palácio barroco, pois adorava andar a cavalo no parque. Foi aqui que nasceram dois dos seus filhos, incluindo o príncipe herdeiro Rudolf. Durante a guerra com Itália e com a Prússia, Sissi converteu uma parte do edifício num hospital para militares feridos. A tarde termina com a visita ao Franzensburg com a estação de comboios imperial “Kaiserbahnohf” é a mais antiga estação estilo Biedermeier mantida na Áustria e remete-nos para o período da monarquia austro-húngara. Jantar livre e alojamento.
6º Dia - Viena
Continuação da visita a Viena com a entrada no Palácio Schönbrunn, residência imperial de Verão, onde Sissi passou muitos meses. Foi aqui que o Imperador Francisco José nasceu, em 1830, e onde viveu os seus últimos anos, governando a partir do palácio. Faleceu a 21 de novembro de 1916 no seu quarto. O seu sucessor, Carlos I, assinou a sua resignação em Schönbrunn, no dia 11 de novembro de 1918, abandonando de imediato o palácio com a sua família. Almoço em Viena. De tarde visita à Cripta Imperial (Igreja dos Capuchinhos). A Cripta Imperial localiza-se sob a Igreja dos Capuchinhos. Desde 1633 foram ali sepultados diversos monarcas da dinastia dos Habsburgos, incluindo 12 imperadores, 19 imperatrizes e rainhas. Ali estão sepultados Francisco José, Sissi e o príncipe herdeiro Rudolf. Por fim, visita à Augustinerkirche (Igreja de St. Agostinho). Trata-se de uma das igrejas mais antigas de Viena, estreitamente ligada à família dos Habsburgos. Foi nesta igreja que Sissi e o Imperador Francisco José se casaram. Jantar livre. Alojamento.
7º Dia - Viena / Godollo / Budapeste
Partida de Viena para a Hungria. A seguir ao almoço tradicional e espetáculo equestre, o grupo faz uma visita guiada ao Palácio de Godollo. A Imperatriz Sissi (1837-1898) gostava especialmente de estar nesta cidade, onde o pessoal húngaro e a vizinhança do palácio sempre a acolheram favoravelmente. Atualmente, uma grande parte da exposição presente no palácio é dedicada à sua memória, encontrando-se o nome da imperatriz associado a ruas, praças e pontes por todo o país. Após esta visita o grupo parte para Budapeste onde será alojado no hotel MGallery Nemzeti 4**** Jantar de despedida no Restaurante Callas. Regresso ao hotel. Alojamento.
8º Dia - Budapeste / Lisboa
Manhã dedicada à visita guiada de Buda e de Peste, que inclui o Parlamento Húngaro, Praça dos Heróis e a famosa avenida Andrássy rodeada por casas e palácios neo-clássicos ecléticos que apresentam belas fachadas, escadas e interiores muitos dos quais são hoje famosas boutiques de moda. Almoço livre em Budapeste. Transfer para aeroporto.
15h45 – Partida em voo Tap Air Portugal para Lisboa (TP 1253).
18h35 – Chegada a Lisboa.

FIM DA VIAGEM

programa_SISSI