Vinhos da Madeira

  • Destino: ,
  • Duração: 4 dias
  • De: 06/07/2018
  • a: 09/07/2018
  • Preço: 1,540€

tryart

Com Maria João de Almeida

O vinho Madeira, ainda pouco divulgado, é um dos tesouros escondidos do nosso país. Pelo mundo, é difícil encontra-lo, tal como em Portugal Continental, onde apenas se podem descobrir algumas marcas nas melhores garrafeiras. Fica imediatamente rendido quem tem o privilégio de provar os velhos e raros Madeira, que geralmente só se encontram na ilha homónima, nas suas adegas de origem ou em garrafeiras de referência.

A produção de vinho da madeira remonta à época da descoberta da ilha, em 1419. Terá sido o Infante D. Henrique a mandar introduzir as primeiras castas, que se crê terem sido importadas da Grécia. Delas fazem parte a Tinta Negra Mole (a mais cultivada da ilha), seguida da Sercial, Boal, Verdelho e Malvasia, produzindo estas últimas, vinhos de qualidade superior devido ás condições climatéricas e à composição dos solos.

Os ingleses foram os grandes responsáveis pela divulgação do vinho da Madeira, fazendo que fosse conhecido na Europa e na América, principalmente em banquetes, nas requintadas cortes europeias e nas suas respetivas colónias. Este vinho esteve, por isso, presente em vários episódios da história mundial.

Preço por Pessoa em Quarto Duplo

1.540€

Suplemento Quarto Individual

375€

Programa inclui:

  • Acompanhamento da jornalista e crítica de vinhos Maria João de Almeida durante toda a viagem;
  • Passagem aérea em classe económica para percurso Lisboa / Funchal /Lisboa, em voos regulares Tap Air Portugal com direito a 1 peça de bagagem até 23 kg;
  • 3 noites de alojamento num hotel 5***** mencionado ou similar, com pequeno almoço incluido;
  • Refeições de acordo com o programa, com bebidas incluídas (pensão-completa);
  • Todos os transportes como indicado no programa;
  • Guias locais em português;
  • Todas as visitas e entradas mencionadas no itinerário;
  • Todos os impostos aplicáveis;
  • Radioguias;
  • Taxas de aeroporto, segurança e combustível no montante de 34,00€ € (à data de 06.02.2018) – a reconfirmar e atualizar na altura da emissão da documentação);
  • Acompanhamento permanente por responsável da TRYART;
  • Seguro Multiviagens.
  • Programa não inclui:

    • Gratificações;
    • Tudo o que não esteja como incluído de forma expressa;
    • Despesas de carácter particular designados como extras.
1º Dia – Lisboa / Funchal
05h30 – Encontro dos participantes no Terminal 1 do Aeroporto de Lisboa.
07h30 – Partida em voo Tap Air Portugal para o Funchal.
09h15 – Chegada ao Aeroporto do Funchal.
Transporte privativo para o Hotel The Vine 5*. Check in.
Transfer para o Forte de Santiago, onde será servido o almoço.
De tarde visita guiada ao Funchal incluindo Sé do Funchal, Mercado dos Lavradores e Museu CR7.
Subida ao Monte em teleférico e descida nos famosos carrinhos de cestos. Check in no Hotel The Vine 5*.
Jantar e alojamento no hotel.
2º Dia – Funchal / Camara de Lobos / Prazeres / Funchal
De manhã, visita às caves da MADEIRA WINE COMPANY com provas de vinho. A Madeira Wine Company (MWC) tem no centro do Funchal, a Blandy´s Wine Lodge, instalada no mosteiro seiscentista de São Francisco. A empresa remonta a 1913, com a fundação da Madeira Wine Association, promotora internacional do vinho Madeira. Em 1925, juntaram-se à associação as famílias Blandy e Leacock, e alguns anos mais tarde, as famílias Miles e Cossart Gordon, tornando-a a maior empresa produtora e exportadora de Madeira. Nos finais dos anos 1970, os associados da MWC resumiam-se a poucas das famílias fundadoras, e os Blandys controlavam a sociedade. Almoço com espetada de carne no Restaurante AS VIDES, em Câmara de Lobos. Segue-se a visita às Caves HENRIQUES & HENRIQUES. Em 1850, João Gonçalves Henriques fundou uma empresa de vinho Madeira que, mais tarde, os seus filhos Francisco Eduardo e João Joaquim herdaram, dando origem ao nome Henriques & Henriques. Em 1968, quando da morte de João Joaquim, conhecido como João de Belém, e dada a ausência de descendentes, a empresa foi herdada por três amigos e colaboradores: Alberto Nascimento Jardim, Peter Coissart e Carlos Nunes Pereira. Em junho de 1992, a empresa investiu num plano de expansão que incluiu a construção de novas instalações em Câmara de Lobos e um novo centro de vinificação na Quinta Grande. A companhia continua a apostar nas mais recentes inovações tecnológicas e ainda hoje é o único produtor de vinho madeirense com vinhas próprias Visita à Quinta Pedagógica dos Prazeres. Esta quinta é um projeto que visa a sensibilização, educação e valorização do meio rural, que é promovido pela paróquia local da freguesia dos Prazeres, na Calheta. Situa-se nos terrenos contíguos à igreja paroquial de Nossa Senhora das Neves e foi inaugurada em outubro de 2000. Tem um espaço que alberga vários animais (de porcos e ovelhas a emas e lamas, entre outros), permitindo o contacto dos visitantes com estas espécies, e possui também uma casa de chá. Jantar no Restaurante CASA DA QUINTA (Funchal). Regresso ao hotel. Alojamento.
3º Dia – Funchal / Porto Moniz / Funchal
Esta viagem de Enoturismo na Ilha da Madeira dirige-se nesta manhã, a Porto Moniz com a visita à SEIXAL WINES. Nascido e criado no Seixal, na ilha da Madeira, o empresário Duarte Caldeira fundou em 2008 uma empresa com os filhos (Duarte, Sofia e Filipe) com o objetivo de produzir brancos e tintos de grande qualidade, feitos de uvas selecionadas para competir com os melhores vinhos do mercado. A marca comercial chama-se Terras do Avô e, segundo Duarte Caldeira, pretende homenagear as quatro gerações anteriores da família ligadas à terra. As uvas são provenientes de vinhas próprias, mas também há algumas compradas a pequenos produtores. Almoço no Restaurante GAVIÂO NOVO no Funchal. Tarde livre no Funchal. Jantar no Restaurante IL GALLO D’ORO situado no Hotel Cliff Bay. Regresso ao hotel. Alojamento.
4º Dia – Funchal / Porto da Cruz / Funchal / Lisboa
Visita às Caves de Vinho BARBEITO com provas de vinho. A empresa foi fundada em 1946 por Mário Barbeito de Vasconcelos e sempre se manteve na família. O empresário conquistou clientes em muitos países, construindo relações sólidas e próximas, e alguns dos atuais clientes e fornecedores são ainda do seu tempo. Após o seu falecimento em 1985, a filha, Manuela de Vasconcelos, ocupou o seu lugar na empresa. Continuou-se o trabalho de visitar regularmente importadores e de ter uma presença assídua em feiras, mantendo a proximidade com os clientes. Ricardo Barbeito, neto do fundador e atual mentor do projeto, tudo faz para manter viva essa filosofia. Almoço no Restaurante LILY’S no Machico. Visita à Companhia dos Engenhos do Norte (Destilaria de Cana de Açúcar). Esta visita permitirá conhecer um dos principais testemunhos vivos do passado glorioso de produção do açúcar na ilha e recuar ao princípio do séc. XX. O Engenho do Porto da Cruz é um dos exemplos mais marcantes da importância da cana-de-açúcar na Madeira, e constitui um núcleo museológico de grande importância patrimonial. Transfer para o Aeroporto do Funchal. 21h55 – Partida em voo Tap Air Portugal para Lisboa. 23h30 – Chegada ao Aeroporto Humberto Delgado em Lisboa.
programa_madeira