Japão com Festival Jidai Matsuri em Kyoto e a Magia das Cores de Outono

  • Destino:
  • Duração: 14 dias
  • De: 13/10/2024
  • a: 26/10/2024
  • Preço: 6,490€

passaporte

Japão com Festival Jidai Matsuri em Kyoto e a Magia das Cores de Outono

Viajar pelo Japão é mergulhar num mundo misterioso, onde a tradição, a beleza e a tranquilidade se encontram. De delicados templos, belos palácios, a sumptuosos jardins, pintados de maravilhosas flores coloridas. Ao chegar o Outono, os tons das árvores inundam o país com cores que vão desde o vede ao castanho, passando pelo amarelo, laranja e vermelho. Tudo concorre para tornar o país do Sol Nascente num espetáculo que fascina locais e turistas.

O Festival Jidai é um dos três grandes festivais de Kyoto que tem lugar nesta altura do ano. É celebrado por pessoas de todas as idades que participam numa recriação histórica com roupas da época, representando vários períodos e personagens da história feudal japonesa.

Preço por Pessoa Quarto Duplo

(mínimo 25 participantes)

6.490

Suplemento Quarto Individual

1.230

 

Programa inclui:

  • Acompanhamento durante toda a viagem por um representante Tryvel;
  • Bolsa de documentação e saco Tryvel;
  • Passagem aérea Lisboa / Istambul / Tokyo + Osaka / Istambul / Lisboa, em voos regulares Turkish Airlines, em classe económica com direito ao transporte de 30 kgs de bagagem de porão;
  • Transporte em autocarro de turismo com ar-condicionado, durante todo o circuito acima mencionado;
  • Transporte de Comboio Bala nos percursos mencionados no programa;
  • 14 dias de viagem / 11 noites de alojamento nos hotéis mencionados ou similares incluindo o pequeno-almoço diário;
  • Programa com um total de 19 refeições (8 almoços e 11 jantares – na sua maioria buffets ou ocidentais);
  • Água, café americano ou chá incluído nas refeições;
  • Águas no autocarro;
  • Acompanhamento durante todo o circuito por experientes guias locais falando português ou espanhol (consoante disponibilidade);
  • Visitas conforme mencionadas no itinerário, incluindo todas as entradas referidas.
  • Passeio de barco no Rio Sumida em Tokyo;
  • Assistência de um Maiko Show em Kyoto;
  • Assistência ao Festival Jidai Matsuri em Kyoto;
  • Cerimónia do Chá;
  • Taxas de aeroporto, segurança e combustível no valor de € 730,25 (a reconfirmar aquando da emissão dos bilhetes);
  • Seguro de assistência em viagem e proteção Covid-19;
  • Taxas hoteleiras e de serviço, bem como IVA;
  • Bagageiros nos hotéis (01 peça de bagagem por pessoa);
  • Gratificações a guia e motorista;
  • Auriculares;

 

Programa não inclui:

  • Bebidas às refeições (com exceção da água, café americano ou chá);
  • Almoços dos dias 16, 22 e 25 Outubro;
  • Quaisquer serviços que não se encontrem devidamente mencionados no presente itinerário e extras de carácter pessoal (ex. telefonemas, bar, mini-bar, lavandaria, etc.).

 

INFORMAÇÕES | RESERVAS

GC – Tel. 215 927 076 | info@nulltryvel.pt

Nota Importante:

A presente cotação está sujeita a re-confirmação mediante as disponibilidades de voos e hotéis à data da V/ reserva. Os valores acima apresentados poderão sofrer eventuais alterações em caso de significativas oscilações cambiais e/ou de custos de combustível e/ou eventuais novas taxas.

1º Dia - 13 Out. (Dom.) Lisboa / Istambul

Comparência no Aeroporto de Lisboa 180 minutos antes da hora de partida. Assistência nas formalidades de embarque.

16h25 – Partida em voo Turkish Airlines com destino a Istambul.

Refeições a bordo.

23h20 – Chegada a Istambul e mudança de avião.

2º Dia - 14 Out. (Seg.) Istambul / Tokyo

02h00 – Partida em voo Turksh Airlines com destino a Tokyo. Refeições e noite a bordo.

19h20 – Chegada a Tokyo. Asistência e transporte para o Hotel  Grand Prince Hotel Shin Takanawa 5***** ou similar.

Check in e alojamento no Hotel. (light box dinner entregue no hotel – 1 sandes + 2 peças de fruta + 1 sumo).

3º Dia - 15 Out. (Ter.) Tokyo

Pequeno-almoço no Hotel e início da visita de Tokyo, capital do Japão desde 1868, está localizada na Ilha de Honshu, frente à baía de Tóquio que se abre sobre o oceano Pacífico, e rodeada a norte pela fértil planície de Kanto. Apesar de muito modernizada, esta metrópole ainda conserva o seu encanto de outrora, bem representado nas festas típicas e nos seus costumes tradicionais. Início da visita da cidade com:

TeamLab Planets Tokyo – O teamLab Planets é um museu onde se caminha através da água e um jardim onde se torna um só com as flores. É composto por 4 espaços de obras de arte em grande escala e 2 jardins criados pelo coletivo artístico teamLab.

As pessoas andam descalças e mergulham todo o seu corpo nas vastas obras de arte, juntamente com outras pessoas. As obras de arte mudam com a presença das pessoas, esbatendo a perceção das fronteiras entre o eu e as obras. As outras pessoas também criam mudanças nas obras de arte, esbatendo as fronteiras entre elas próprias e as obras, e criando uma continuidade entre o eu, a arte e os outros.

Asakusa – é um dos mais importantes bairros para a área informalmente conhecida como Shitamachi, que significa literalmente “Cidade Baixa”, referindo-se à baixa elevação da parte antiga de Tóquio, nas margens do rio Sumida.

– Sensoji Temple – O mais antigo templo budista de Tóquio, está localizado no bairro de Asakusa e traz para quem está visitando a cidade, a tradição japonesa em meio a megalópole que é a capital japonesa, não só exposta nos grandes portões e no templo em si, mas também nas lojas da rua Nakamise. Foi construído em homenagem à deusa budista da misericórdia Kannon. Segundo a história, em 628 dois pescadores apanharam no rio Sumida uma estátua de ouro da deusa Kannon e em 645 lhe foi dedicado um templo.

– Nakamise Shopping Arcade

Almoço ocidental em restaurante.

Após o almoço, passeio de barco no Rio Sumida com passagem por Odaiba também conhecida como Rainbow Town, é uma ilha artificial construída sobre entulhos que fica a 6 kms de Tóquio. Construída a partir de um grande projeto arquitetónico em 1986, a ilha foi erguida em cima de 110 milhões de metros cúbicos de terra e resíduos de incineração. Sobre a ilha foi construída uma praia artificial com areia esbranquiçada e relvado, muito usada para para a prática de desportos náuticos.

Visita da Area de Ginza, conhecida como uma área chique de Tóquio, com inúmeras lojas de departamento, boutiques, restaurantes e cafés. Ginza é reconhecida como um dos distritos de compras mais luxuoso do mundo, com um dos mais caros preços por metro quadrado do planeta – US$22,000/m² – as principais grifes mundiais, como Louis Vuitton, Rolex, Dior Channel e Salvatore Ferragamo se encontram em Ginza.

Visita de Shibuya, um dos principais centros comerciais e financeiros do mundo, abriga as duas estações mais movimentadas do mundo: a Estação de Shinjuku (na parte sul) e a Estação de Shibuya, onde as ruas cheias, coloridas e ruidosas, com lojas das marcas mais conhecidas entre os jovens japoneses e luzes vibrantes que anunciam ter chegado à zona mais “cool” da cidade.

Regresso ao hotel.

Jantar buffet no hotel e alojamento..

4º Dia - 16 Out. (Qua.) Tóquio

Pequeno-almoço no hotel.

Saída do Hotel para um dia dedicado à visita de Tokyo, com visitas a :

–  Tokyo Metropolitan Government Office Building (observatory Deck) – O Edifício do Governo Metropolitano de Tóquio em Shinjuku, é frequentemente visitado devido aos seus decks de observação, que proporcionam vistas panorâmicas de Tóquio e arredores. O edifício de 243 metros de altura tem duas torres, cada uma com um observatório a uma altura de 202 metros. Foi o edifício mais alto de Tóquio até ser ultrapassado pelo Midtown Tower em 2007.

Com condições climatéricas favoráveis, pontos de referência famosos como o Monte Fuji, a Tokyo Skytree, a Torre de Tóquio, o Santuário Meiji e a Cúpula de Tóquio podem ser vistos a partir dos observatórios.

Meji JinguShrine and Omotesando – O santuário foi concluído e dedicado ao imperador Meiji e à imperatriz Shoken em 1920, oito anos após o falecimento do imperador e seis anos após o falecimento da imperatriz. O santuário foi destruído durante a guerra, mas foi reconstruído pouco tempo depois. O Imperador Meiji foi o primeiro imperador do Japão moderno.

Regresso ao Hotel. Almoço livre e tarde livre.

Jantar buffet no hotel e alojamento.

5º Dia - 17 Out. (Qui.) Tokyo / Hakone - Monte Fuji Area

Pequeno-almoço hotel.

Partida de autocarro para o Parque Nacional de Hakone uma área montanhosa, com o Lago Ashi repousando ao centro e o Monte Fuji quase sempre visível a noroeste. A beleza desta paisagem merece ser contemplada tranquilamente.

Cruzeiro no Lago Ashi

– Subida no teleférico de Hakone ou em caso deste estar fechado subida no teleférico de Komagatake, para poderemos admirar as belíssimas paisagens.

Almoço buffet em restaurante.

Visita do Centro de Interpretação do Monte Fuji.

Após as visitas, continuação para o The Prince Hakone Lake Ashinoko Hotel 4**** ou similar

Check in e distribuição de quartos.

Jantar buffet no hotel e alojamento.

6º Dia - 18 Out. (Sex.) Hakone - Mount Fuji Area / Hiroshima

(Neste dia a bagagem será enviada diretamente para Kyoto, pelo que sugerimos que prepare um saco com muda de roupa para 2 dias)

Após o pequeno-almoço, saída do Hotel para visita do Chureito Pagoda no Santuário de Arakura Sengen.

O Chureito Pagoda situa-se no Santuário Arakura Sengen, perto do Monte Fuji. Este icónico pagoda de cinco andares tornou-se um dos pontos turísticos mais reconhecidos e fotografados do Japão, oferecendo uma vista deslumbrante do Monte Fuji.

Para chegar ao Chureito Pagoda, tem que se subir uma escadaria com mais de 400 degraus. No entanto, o esforço é recompensado pela vista panorâmica incrível do Monte Fuji, especialmente durante a época da sakura (cerejeira em flor), que ocorre na primavera.

O Santuário Arakura Sengen é também um local sagrado e um importante ponto de peregrinação para os crentes locais.

Continuação para o Monte Fuji – subida até à 5ª estação.

Almoço em restaurante.

De tarde, pelas 15h30, embarque no comboio bala (Hikari) na estação de Mishima até Nagoya. Chegada à estação de Nagoya e mudança para o comboio Bala (Nozomi) até à estação de Hiroshima.

Pelas 19h45, chegada a Hiroshima e saída da estação para o Sheraton Grand Hotel Hiroshima 5***** ou similar.

Check-in e distribuição de quartos.

Jantar e alojamento no Hotel.

7º Dia - 19 Out. (Sáb.) Hiroshima / Miyajima / Kyoto

Pequeno-almoço no hotel.

Saída do hotel e travessia em ferry para Miyajima.

A ilha de Itsukushima é uma das muitas ilhas do Mar Interior e é onde se localiza o monte mais elevado da região, o Monte Misen (530m). Devido ao costume xintoísta de adoração de montanhas o local foi considerado sagrado – e como tal vedado à presença humana, desde tempos remotos. Assim, o Santuário foi construído sobre a água, junto à ilha, que é hoje considerada parque natural.

Visita do Santuário Itsukushima que foi considerado Património Mundial pela UNESCO em 1996 e está protegido por severas leis de proteção do património.

Uma vez que o ltsukushima-jinja se encontra construído sobre o mar sofreu danos frequentes ao longo dos tempos, especialmente o grande Torii, que sofreu múltiplas reconstruções, a última das quais em 1875.

Também foram acrescentados novos edifícios: o Gojûnotô (o pagode de cinco níveis) em 1407, o Tahôtô (o pagode de dois níveis) em 1523 e vários Honden (edifícios com altares a Kami específicos).

Após a visita, embarque no ferry para regresso a Hiroshima.

Almoço japonês no Restaurante Tetsu Pan-Ya Benbee Shintenchi.

De tarde, visita da cidade de Hiroshima com :

Museu Memorial da Paz

– Parque Memorial da Paz

– A – Bomb Dome – Cúpula Genbaku

O edifício do Memorial da Paz de Hiroshima, chamado Cúpula Genbaku foi originalmente projectado pelo arquitecto checo Jan Letzel. Foi terminado em Abril de 1915, e intitulado Exposição Comercial da Câmara de Hiroshima (HMI). Foi inaugurado oficialmente em Agosto do mesmo ano.

O hipocentro da explosão atómica de 6 de Agosto de 1945 situou-se apenas a 150 metros de distância do edifício, que foi a estrutura mais próxima a resistir ao impacto.

A Cúpula Genbaku deveria ter sido demolida com o restante das ruínas, mas o fato de ter ficado praticamente intacta adiou os planos. Enquanto a cidade era reconstruída em torno do domo, sua permanência tornou-se motivo de controvérsia; alguns moradores queriam sua destruição, enquanto outros preferiam que a estrutura fosse preservada como um memorial do bombardeio. Em 1966, Hiroshima declarou a intenção de preservar a agora chamada “Cúpula da Bomba Atómica” de forma definitiva. Trinta anos depois, em dezembro de 1996, a construção foi registrada como Património Mundial da UNESCO, baseado na Convenção sobre a Proteção do Patrimônio Cultural e Natural.A Cúpula Genbaku insere-se no Parque Memorial da Paz de Hiroshima que contém diversos outros monumentos erguidos posteriormente:

  • Estátua das Crianças da Bomba Atómica, em memória das crianças que morreram vítimas da bomba e em homenagem à Sadako Sasaki
  • Monte Memorial da Bomba Atómica, com as cinzas de 70 mil vítimas não identificadas
  • Cenotáfio das Vítimas Coreanas, em homenagem aos cerca de 20 mil coreanos mortos no bombardeamento
  • Cenotáfio Memorial, com a sua inscrição “Descansai em paz, pois o erro jamais se repetirá”
  • Chama da Paz, que permanecerá acesa até que a ameaça de aniquilação nuclear deixe o planeta Terra
  • Sino da Paz, que os visitantes podem soar em honra da paz mundial
  • Sala Nacional Memorial da Paz de Hiroshima, que inclui a Sala da Lembrança com uma reconstituição a 360º de Hiroshima após a bomba, formada por 140 mil ladrilhos (o número de vítimas até final de 1945)
  • Museu Memorial da Paz de Hiroshima
  • Portas da Paz, cinco portas de cinco metros de altura com a palavra “paz” escritas em diversas línguas

Após as visitas, regresso ao Hotel.

Jantar no hotel e alojamento.

8º Dia - 20 Out. (Dom.) Kyoto

Após o pequeno-almoço, transfer para a estação de Hiroshima e embarque no comboio bala (Nozomi 48) com destino a Kyoto.

Chegada a Kyoto e almoço ocidental em restaurante.

De tarde, visita ao Castelo de Nijo que foi a residência do primeiro shogun do período Edo, Tokugawa Ieyasu, e posteriormente utilizado como residência imperial. Uma das características mais distintivas do castelo é o “squeaky floors” (pisos que rangem), concebido como um mecanismo de segurança para detetar intrusos.

O castelo é composto por vários edifícios e salões, incluindo o Ninomaru Palace, famoso pelos seus tectos decorados com pinturas elaboradas e pelas suas portas deslizantes decoradas. Estas pinturas retratam paisagens naturais, aves e flores, representando a rica herança artística e cultural do Japão.

Os jardins do Castelo Nijo são igualmente impressionantes, com lagos serenos, pontes de pedra e uma variedade de plantas e árvores cuidadosamente dispostas.

Após a visita do castelo, passeio pelo bairro de Gion, uma das zonas mais emblemáticas e fascinantes da cidade. Conhecida como o coração do distrito das gueixas, Gion preserva a atmosfera tradicional e o charme histórico do Japão antigo. Gion é famoso pelas suas ruas estreitas, casas de chá tradicionais, casas de gueixas e casas de okiya (escolas de formação de gueixas). À noite, especialmente, a área ganha vida com a presença de gueixas e maikos (aprendizes de gueixa) que se dirigem às suas casas de chá e locais de entretenimento, criando uma atmosfera mágica e única.

Continuação para o Hotel Gran Via Kyoto 5***** ou similar. Check in e distribuição dos quartos.

Saída para jantar buffet no Restaurante Tower Terrace no Kyoto Tower Hotel.

Após jantar, regresso ao hotel e alojamento.

9º Dia - 21 Out. (Seg.) Kyoto

Após o pequeno-almoço no hotel, continuação da visita de Kyoto. Fundada no ano de 794, Kyoto manteve-se o centro da civilização nipónica durante mais de mil anos. Mesmo hoje, apesar da capital ter mudado para Tóquio, Kyoto mantem a sua posição de centro histórico e cultural do país, berço de grande parte do espírito e da tecnologia nipónica. Os Japoneses descrevem a cidade como “Nihon no Furusato” – “o coração do Japão”.

De manhã visitaremos:

o Templo Kiyomizu (Templo da Água Limpa, do séc. VIII). Construído no século VIII, o Kiyomizu-dera oferece uma vista deslumbrante sobre a cidade de Kyoto a partir da sua plataforma de madeira elevada, que se estende sobre a encosta da montanha. Esta plataforma, conhecida como “stage de Kiyomizu”, é apoiada por pilares de madeira sem qualquer utilização de pregos ou parafusos, o que é um feito impressionante de engenharia para a época em que foi construída. O templo é dedicado a Kannon, a deusa da misericórdia, e os seus edifícios incluem vários santuários, salões e pagodes. Um dos aspetos mais emblemáticos do Kiyomizu-dera é a sua cascata sagrada, onde os visitantes podem beber água para obter saúde, longevidade e sucesso nos estudos.

o  Templo Kinkakuji (Pavilhão Dourado do séc.XIV). Este templo budista Zen, classificado como Património Mundial da UNESCO, é famoso pela sua deslumbrante estrutura dourada que se reflete nas águas calmas do lago espelhado adjacente. Construído no século XIV como uma villa de descanso para um shogun, o Kinkaku-ji foi posteriormente convertido num templo pelo seu filho. O edifício de três andares é coberto por folhas de ouro puro no seu topo dois andares, proporcionando um brilho resplandecente sob o sol. O templo está situado num jardim japonês meticulosamente planeado, com um lago, pontes de pedra e caminhos sinuosos que nos conduzem através de uma paisagem serena e contemplativa. O cenário natural do Kinkaku-ji é ainda mais acentuado pelas árvores e plantas que rodeiam o templo, criando uma atmosfera tranquila e pacífica, ideal para a meditação e reflexão.

Almoço buffet no Urban Hotel Kyoto-Gojo Premium.

De tarde, continuação da visita com :

Fushimi Inari Shrine – Dedicado ao kami (divindade) Inari, o deus do arroz e da agricultura, este santuário é conhecido pelas suas impressionantes filas de milhares de portões torii vermelhos que se estendem ao longo de um caminho montanhoso. Fundado no século VIII, o Fushimi Inari é composto por vários santuários menores e sub-templos dispersos ao longo da encosta do Monte Inari.

Arashima Bamboo Walk – O Passeio de Bambu de Arashiyama é um caminho pitoresco que serpenteia através de uma floresta de bambu densa e exuberante, criando uma atmosfera mágica e etérea que encanta os visitantes de todas as idades. Ao entrar no Passeio de Bambu de Arashiyama, somos imediatamente envolvidos pela beleza e serenidade deste local único. As altas e esguias colunas de bambu formam um túnel natural que se estende até onde a vista alcança, criando um cenário impressionante que parece ter saído de um conto de fadas. O caminho é ladeado por trilhos de terra batida e iluminado pela luz filtrada que penetra através das copas das árvores de bambu, criando um jogo de sombras e luzes que muda ao longo do dia. O som suave das folhas de bambu a moverem-se com a brisa acrescenta uma dimensão auditiva à experiência, tornando-a ainda mais envolvente e relaxante.

Após o passeio, regresso ao hotel.         

Á noite, saída para jantar japonês Ganko em Takasegawa Nijoen, assistindo a um espetáculo Maiko (com mulheres “Geiko”).

Regresso ao Hotel após o jantar e alojamento.

10º Dia - 22 Out. (Ter.) – Kyoto (Jidai Matsuri Festival)

Após o pequeno-almoço, saída do hotel para visita do Mercado Nishiki. O Mercado Nishiki, também conhecido como “Kyo no Daidokoro” (a cozinha de Kyoto), é um mercado coberto vibrante e animado localizado no coração da cidade. Com mais de 400 anos de história, este mercado é um tesouro gastronómico e cultural que atrai tanto os habitantes locais como os turistas.

Continuação para assistência Festival Jidai Matsuri. Trata-se de uma Parada tradicional (também chamada Matsuri) que acontece a 22 de Outubro todos os anos em Kyoto. É um dos três grandes festivais de Kyoto. É celebrado por pessoas de todas as idades que participam numa recriação histórica com roupas da época, representando vários períodos e personagens da história feudal japonesa.

Após a assistência à Parada, regresso ao hotel.

Almoço livre.

– Cerimónia do Chá

Regresso ao Hotel e tarde livre.

Jantar buffet no Hotel e alojamento.

11º Dia - 23 Out. (Qua.) Kyoto / Nara / Osaka

Pequeno-almoço no hotel e partida para Nara (cerca de 1h de viagem), primeira capital do Império, situada 42Kms a Sul de Kyoto. Os sete imperadores que governaram em Nara, protegeram a expansão do Budismo, e com a construção do Grande Buda de bronze, o maior do mundo, atingiram o topo desta cultura religiosa. Das visitas deste dia destacamos:

–  O Templo Todaiji (séc.XIII), no qual se encontra o enorme Buda de bronze;

O Parque de Nara, popularmente conhecido pelo Parque dos Veados pelos mais de 1000 exemplares desta espécie que aqui vivem pacificamente e se aproximam de nós com toda a tranquilidade;

Almoço ocidental em restaurante.

De tarde, visita :

Kofuku-Ji – templo budista sede nacional da escola Hossō é um dos oito Monumentos Históricos da Antiga Nara inscritos na lista de patrimónios mundiais da UNESCO.

Santuário Kasuga – O Grande Templo de Kasuga é um templo xintoísta que foi fundado em 769 d.C. e reconstruído algumas vezes ao longo dos séculos, é o templo do clã Fujiwara.

De tarde, continuação para Osaka.

Chegada ao Hilton Osaka Hotel 5*****. Check in e distribuição de quartos.

Jantar e alojamento no Hotel.

12º Dia - 24 Out. (Qui.) Osaka

Após o pequeno-almoço, visita da cidade de Osaka onde se terá uma vista panorâmica sobre a cidade.

– Visita do Castelo de Osaka conhecido em japonês como “Osaka-jo”, é um dos mais famosos e históricos castelos do Japão. Construído no final do século XVI pelo poderoso senhor feudal Toyotomi Hideyoshi, o Castelo de Osaka desempenhou um papel importante nas guerras civis que levaram à unificação do Japão. Com as suas imponentes muralhas, torres e fossos, o castelo foi concebido como uma fortaleza impenetrável e um símbolo do poder e autoridade de Hideyoshi.

Foi destruído e reconstruído várias vezes ao longo dos séculos, sendo a sua estrutura atual uma reconstrução fiel do castelo original, datada do século XVI. O edifício principal, conhecido como “Tenshukaku”, é uma torre de cinco andares que oferece uma vista panorâmica deslumbrante da cidade de Osaka e dos seus arredores.

– Umeda Sky Building Floating Observatory – Trata-se de um arranha-céus futurista, concluído em 1993, é conhecido pela sua inovadora estrutura de design e pela sua “Floating Garden Observatory” (observatório jardim flutuante), que oferece vistas panorâmicas deslumbrantes sobre a cidade de Osaka e além.

A característica mais notável do Umeda Sky Building é a sua estrutura única de duas torres que são ligadas no topo por um impressionante “Floating Garden Observatory”. Este observatório, situado a cerca de 170 metros acima do solo, proporciona aos visitantes uma experiência visual inigualável, permitindo-lhes desfrutar de uma vista panorâmica de 360 graus sobre a cidade e os seus arredores.

Almoço em restaurante ocidental e continuação pelas zonas comerciais de Dotonbori e Shinsaibashi, onde se concentram as lojas mais conhecidas da cidade.

Regresso ao Hotel.

Jantar no Hotel. Após jantar, passeio em autocarro “Osaka by Night” para ver a atmosfera urbana pulsante e a vida noturna animada da cidade.

Regresso ao hotel e alojamento.

13º Dia - 25 Out. (Sex.) Osaka / Istambul

Pequeno-almoço no hotel e dia inteiro livre (com almoço livre).

Ao final da tarde, transfer para o aeroporto Kansai.

21h50 – Partida em voo Turkish Airlines com destino a Istambul.

Refeições e noite a bordo..

14º Dia - 26 Out. (Sáb.) Istambul / Lisboa

05h00 – Chegada ao aeroporto de Istambul e mudança de avião.

06h55 – Partida em voo Turkish Airlines com destino a Lisboa.

09h55 – Chegada a Lisboa, ao aeroporto Humberto Delgado.

Programa