Suiça, Cote d’Azur e Lavanda

Programa

Suiça, Cote d’Azur e Lavanda

Um circuito único percorrendo a Belíssima Suíça, com a “Veneza dos Alpes” e Chamonix, uma das cidades de montanha mais  charmosas e famosas  do mundo.   A belíssima cidade de Chamonix tornou-se  conhecida quando  recebeu os Jogos Olímpicos de Inverno, em 1924, ganhando notoriedade como refúgio natural e ainda hoje um reduto de turismo  de luxo.

Uma breve passagem em Turim, a capital de Piedmont, a norte de Itália, é conhecida pela sua arquitetura e gastronomia requintadas, e  por França, para visitar umas das mais bonitas regiões do País – a região da Lavanda, com os extensos e aromáticos campos lilases, e uma Venha connosco!

Preço por Pessoa Quarto Duplo

2.340 €

Suplemento Quarto Individual

530 €

 

Programa inclui:

  • Acompanhamento durante toda a viagem por um representante TRYVEL;
  • Passagem aérea Lisboa|Genebra – Marselha|Lisboa, em voos regulares da TAP Portugal com taxas de segurança e combustível ( à data de 30.09.2020 no montante de 47,00 €  – a reconfirmar à data de emissão)
  • Todos os transportes mencionados no itinerário, em autopullman com ar condicionado;
  • Alojamento e pequeno-almoço nos hotéis selecionados 4 * – 8 noites
  • Todas as refeições mencionadas no itinerário, num total de 17;
  • Todas as visitas mencionadas no itinerário, com guias locais oficiais, de idioma português ou castelhano, de acordo com disponibilidade;
  • Todas as entradas mencionadas no itinerário como incluídas;
  • Audio-guias durante toda a viagem;
  • Seguro de viagem GOLD com cobertura extra COVID
  • KIT COVID
  • Bolsa ou similar Tryvel;
  • Taxas turísticas nos hotéis a pagar localmente.

 

Programa não inclui:

  • Bebidas às refeições;
  • Quaisquer serviços que não se encontrem devidamente mencionados no presente itinerário e extras de carácter pessoal (ex. telefonemas, bar, mini-bar, lavandaria, bagageiros, etc.).

 

INFORMAÇÕES | RESERVAS
Barbara Ferreira  | Tlm. 916 296 797 | barbara.ferreira@nulltryvel.pt

1º Dia - Lisboa / Genebra / Annecy /Chamonix

Comparência no aeroporto da Portela 120 minutos antes da partida. Formalidades de embarque e saída em voo regular da TAP, às 08h45, com destino a Genebra. Chegada pelas 12h10. Assistência e transporte para o almoço.

Saída para visita panorâmica de Genebra. Localizada entre os picos alpinos das proximidades e o terreno montanhoso do Jura, a cidade francófona de Genebra situa-se na baía onde o Ródano se despede do Lago Genebra. Com tradição humanitária e atmosfera cosmopolita, a sede europeia da ONU e o quartel general da Cruz Vermelha é conhecido como a “capital da paz”. Após a visita, continuação para Annecy. Chegada e visita panorâmica. Annecy, a bela, por alguns chamada de Veneza dos Alpes, está cercada pelos montes Veyrier, Semnoz, Parmelan e Tournette, este com a neve eterna exposta em seu pico de 2.351 metros. Está implantada, nesse cenário encantado, onde Suíça, Itália e França se encontram, na região de Haute-Savoie – Vale do Ródano e Alpes Franceses.

Pós a viagem, a viagem prossegue até Chamonix.

Chegada ao Park Hotel Suisse 4* ou similar. Distribuição dos quartos.

Jantar no hotel e alojamento..

2º Dia - Chamonix / Vale de Aosta / Turim

Pequeno-almoço no hotel. Saída para visita de Chamonix. É uma das cidades de montanha mais charmosas do mundo, e também uma das mais famosas. Chamonix é conhecida desde que recebeu os Jogos Olímpicos de Inverno, em 1924, ganhando notoriedade como refúgio natural da classe alta francesa nas décadas seguintes, fruto da sua exclusividade e da inacessibilidade de então. Com o tempo, foi-se tornando mais popular, estando muito próxima da fronteira com a Suíça e a Itália, mas tendo, como barreira naturais, o Mont Blanc ou as montanhas que ostentam os mundialmente famosos picos Aiguilles Rouges e Aiguille du Midi. Ainda assim, o crescimento foi sustentado, respeitando a imponência e o valor que a natureza continua a exercer sobre a região. Subida no teleférico da Aiguille du Midi, o teleférico que liga a cidade de Chamonix com a Aiguille du Midi no Maciço do Monte Branco. La Aiguille du Midi oferece uma vista deslumbrante a 360° de todos os Alpes franceses, suíços e italianos.

Nota: Em caso de condições atmosféricas adversas (nomeadamente vento forte), por questões de segurança, o teleférico não funciona. Almoço em restaurante em Chamonix.

Continuação para Turim pelo Túnel do Monte Branco. Trata-se de um túnel rodoviário, que liga Chamonix, na Alta Saboia a Courmayeur, no Vale de Aosta.
O Túnel do Monte Blanco, que passa exatamente por baixo da Aiguille du Midi  foi construído em 1965, e só tem um túnel, pelo que é bidirecional. Com um comprimento de 11,6 km, permitiu reduzir a distância consideravelmente, de França a Turim. O Vale de Aosta é a mais pequena região de Itália, com apenas 3.262 quilómetros quadrados, e também a menos povoada, contando com cerca de cento e dezoito mil habitantes. Como todos os vales alpinos, mistura paisagens encantadoras, povoações pequenas, e uma natureza de aparência selvagem, mas facilmente acessível.

Chegada a Turim, ao Starhotel Majestic Turin 4* ou similar. Distribuição dos quartos.

Jantar no hotel e alojamento.

3º Dia - Turim / Nice

Pequeno-almoço no hotel. Saída para visita da cidade de Turim. De colónia romana a primeira capital da Itália unificada e, mais recentemente, a berço da Fiat e principal centro do movimento slow-food, Turim tem motivos para se orgulhar do seu passado. Mas o seu presente não é menos grandioso: ladeada a oeste pelos Alpes, a cidade detém uma beleza paisagística única e a herança arquitetónica do génio barroco Guarino Guarini. A maior atração é a própria cidade de Turim, que continua a ser um centro de cultura europeia, pela sua diversidade nos monumentos, nos palácios reais, nos castelos e fortalezas, nas igrejas, nos eventos, na música, nas galerias de arte, no cinema e na literatura. É uma cidade que liga industrialização à arte de uma forma ímpar. Almoço. Continuação da visita e saída para Nice.

Chegada ao Novotel Nice Centre Vieux 4* ou similar. Distribuição dos quartos.

Jantar no hotel e alojamento.

4º Dia - Nice / Mónaco / Eze Village / Saint Paul de Vence / Nice

Pequeno-almoço no hotel. Saída para o Mónaco, para visita. O principado do Mónaco é, provavelmente, o sítio do Mundo onde existe a maior concentração de luxo e glamour. Isto faz com que o Mónaco seja um dos mais desejados, caros e luxuosos destinos de férias. Continuação para Eze Village. A inevitável passagem do tempo não conseguiu tirar a Eze a sua aparência medieval, que é atualmente uma das principais marcas da cidade. O caminho que percorrerá pelas escadarias em pedra, que caracterizam as ruas estreitas, vai prepará-lo para a recompensa que vai encontrar quando alcançar o topo da colina: uma vista do mar Mediterrâneo de cortar a respiração. No topo encontra-se o Jardim Exótico, com mais de 400 tipos de plantas e uma enorme quantidade de catos. Almoço.

Após o almoço, saída para Saint Paul de Vence, centro do impressionismo francês por volta de 1910 , vila medieval sobre uma colina a 180 metros de altura, apresentando ruas com fontes e casas de pedra centenárias, e muitas lojas de arte pelo caminho da rua principal. Um charme! Continuação para Grasse. Há 200 anos, Grasse ocupa a posição de capital mundial da perfumaria. Local de inovações técnicas, lá se criam os perfumes de Chanel, Dior entre outros. O mítico N° 5 da Chanel foi inventado lá. Grasse é, na sua origem, uma rica e poderosa cidade medieval graças à atividade dos curtidores e à presença do bispo até à Revolução; a riqueza arquitetónica do centro da cidade é notável: casas medievais, palácio do bispo, catedral, hotéis particulares. Visita à Fragonard, uma das mais antigas fábricas de perfume de Grasse, criada em 1926. Regresso ao hotel em Nice.

Jantar no hotel e alojamento.

5º Dia - Nice | Antibes | St. Rafael e St. Tropez | Aix en Provence

Pequeno-almoço no hotel. Saída para visita à charmosa Antibes, que conta com ruas estreitas e construções do século XVI e paragem obrigatória para quem visita a região de Côte D’Azur. Almoço em restaurante no Porto Velho de Antibes. Após o almoço, continuação pela estrada costeira com passagem e breves visitas de St. Rafael e St. Tropez.  Chegada a Aix en Provence.

Visita desta bonita cidade, conhecida também como ‘cidade das águas’ devido ao grande número de fontes existentes na cidade, sinónimas de um passado de influência Romana na região, quando um grande número de termas foram aqui construídas, hoje em ruínas. Mas Aix en Provence é hoje uma cidade universitária, centro de ensino das artes e com muitos museus. Visita do seu centro histórico (a pé) e pela rua principal da cidade (a Cours Mirabeau), com paragem obrigatória para um café no ‘Les Deux Garçons’ por ter sido frequentado por Edith Piath, Pablo Picasso e Jean-Paul Satre.  Continuação para o Hotel Best Western le Galice 4* ou similar. Distribuição dos quartos.

Jantar no hotel e alojamento.

6º Dia - Aix en Provence | Roussillon | Gordes | Nîmes

Pequeno-almoço no hotel. Saída para Roussillon, cidade do ocre e das casas pintadas com esse pigmento, fazendo com que as casas sejam integradas ao restante da paisagem, dando a impressão de que a colina de ocre foi moldada em forma de vilarejo. Faremos o Sentier des Ocres (Caminho dos Ocres), um percurso a pé por uma paisagem extraordinária onde os vários tons de ocre contrastam com o verde da vegetação. O festival de cores é acompanhado por formas como se fossem esculpidas. Até hoje os especialistas não conseguiram explicar as diversas tonalidades das areias, uma variação de vermelho, amarelo, alaranjado, arroxeado.

Continuação para uma visita imperdível à Abadia de Senanque, construída no século XII,  e certamente um dos lugares religiosos mais visitados da região. Localizada nos arredores de Gordes, a Abadia de Senanque é um dos melhores exemplos da arquitetura cisterciense na Provença. A abadia é ainda habitada por uma comunidade de monges que residem e vivem do seu trabalho, como a cultura de belos campos de lavanda para a produção de óleo essencial de alta qualidade. Segue-se Gordes, considerada por muitos uma das mais belas aldeias da Provença. Almoço. Saída para visita do Museu da Lavanda. Fundado em 1991, é uma espécie de braço cultural de uma grande propriedade familiar dedicada ao cultivo da lavanda, chamada Le Château de Bois. Numa tradicional casa de fazenda provençal, eles mantêm uma das maiores e melhores exposições dedicadas ao cultivo da lavanda em todo o mundo. Incluindo uma coleção de alambiques de cobre com peças datadas do século XVI. Além dos artefatos, o museu conta toda a história e tradição da lavanda de Provence através de vestimentas, fotos e documentários. Continuação para Nîmes.

Chegada ao Hotel Novotel Atria Nîmes 4* ou similar. Distribuição dos quartos.

Jantar no hotel e alojamento.

7º Dia - Nîmes / Avignon / Marselha

Pequeno-almoço no hotel. Saída para visita de Nîmes. Nîmes conta com uma história riquíssima e que, se hoje representa uma cultura morta, permanece viva pela conservação de seus principais símbolos. Da visita, destaque para Arena Romana, Anfiteatro, Torre Magna e Maison Carrée.  Finda a visita, continuação para Avignon com paragem no famoso aqueduto Pont du Gard, provavelmente o aqueduto romano melhor conservado do mundo romano e o mais alto na época, com mais de 2000 anos. Almoço no complexo histórico de Pont du Gard.  Após o almoço continuação para Avignon e visita ao conjunto Arquitetónico Episcopal e ponte de St. Benezet .A viagem prossegue para Marselha. Chegada ao Hotel Mercure Marseille Centre Prado Vélodrome 4* ou similar. Distribuição dos quartos.

Jantar no hotel e alojamento.

8º Dia - Marselha / Camargue / Aigues Mortes / Marselha

Pequeno-almoço no hotel. Saída para visita do Parque Nacional de La Camargue, um extenso parque que cobre uma area  de 140 000 hectares repleto de areas extensas de sal, dunas, lagos, zona de pantânos, de pasto, que o tornam num verdadeiro paraiso para aves migratórias, cavalos selvagens e touros ‘Camargue’.  Mini cuzeiro no Parque.  Almoço na localidade de Saintes-Marie-de-La-Mer, importante centro turístico e local de peregrinação.  Durante a tarde deslocação até Aigues Mortes para visita desta magnífica cidade medieval construída sobre uma zona de pantânos secos. A sua famosa Torre de Constance situada a apenas 3Km da costa serviu de farol e de prisão albergando muitos prisioneiros famosos ligados à religião. Passeio em comboio turistico para visitar as famosa Salinas de Aigues Mortes.  Regresso a Marselha.

Jantar no hotel e alojamento.

9º Dia - Marselha / Lisboa

Pequeno-almoço no hotel. Saída para visita de Marselha. Manhã dedicada à visita do centro histórico de Marselha. Subida em comboio turistico para visita da Basilica Notre Dame de la Garde. Almoço em restaurante. Transporte para o aeroporto. Assistência nas formalidades de embarque e saída em voo regular da TAP, às 18h15, com destino a Lisboa. Chegada pelas 19h40.

Fim da viagem

Programa